Rússia, Turquia e Irã discutem cessar-fogo sírio

ASTANA (Reuters) - Especialistas de Rússia, Turquia, Irã e da Organização das Nações Unidas (ONU) realizaram uma reunião técnica em Astana, capital do Cazaquistão, nesta segunda-feira, para discutir a implementação do acordo de cessar-fogo na Síria, disse o Ministério das Relações Exteriores do Cazaquistão.

As partes não assinaram nenhum documento na reunião, mas, segundo as agências de notícias russas Tass e Interfax, um negociador russo disse que as partes se reunirão novamente este mês e podem assinar um acordo que regule o trabalho de uma força-tarefa conjunta.

O Cazaquistão, anfitrião das reuniões, disse que a agenda de segunda-feira incluiu a análise da implementação da interrupção das hostilidades e a discussão de uma proposta da oposição armada síria sobre o cessar-fogo.

Cada lado culpa o outro por violações do acordo de cessar-fogo que entrou em vigor no final de dezembro.

"Trata-se de criar um mecanismo para controlar a implementação do cessar-fogo", disse um porta-voz do ministério.

Após as reuniões, o negociador russo e oficial militar Stanislav Gadzhimagomedov disse que os lados em guerra tinham discutido como evitar provocações e garantir o acesso humanitário.

"As delegações confirmaram a sua disponibilidade para continuar a interação, a fim de conseguir a plena implementação da interrupção das hostilidades na Síria", afirmou.

(Reportagem de Raushan Nurshayeva)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos