Juiz do DF suspende nomeação de Moreira Franco para ministério

SÃO PAULO (Reuters) - A nomeação de Moreira Franco como ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República foi suspensa nesta quarta-feira por decisão liminar do juiz Eduardo Rocha Penteado, da 14ª Vara Federal do Distrito Federal, segundo decisão publicada no site da corte.

A liminar foi concedida a pedido de três cidadãos e, em seu despacho, Penteado lembrou decisão tomada no ano passado pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que suspendeu a nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro da Casa Civil da então presidente Dilma Rousseff por considerar o ato presidencial um desvio de finalidade.

Lula era investigado pela operação Lava Jato, que investiga um bilionário esquema de corrupção na Petrobras. Moreira Franco teve o nome citado em delações da operação e com a nomeação para o ministério, assim como no caso de Lula, passou a ter prerrogativa de foro junto ao Supremo.

(Reportagem de Eduardo Simões)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos