EXCLUSIVO-Licença prévia para linhão de Belo Monte deve sair em fevereiro, dizem fontes

Por Silvio Cascione e Leonardo Goy

BRASÍLIA (Reuters) - O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) deve conceder na segunda metade de fevereiro a licença ambiental prévia para uma segunda linha de transmissão, a cargo apenas da chinesa State Grid [STGRD.UL], para escoar a energia da hidrelétrica de Belo Monte, disseram à Reuters duas fontes do governo.

A expectativa é de que o Ibama termine a análise por voltado dia 17 de fevereiro e conceda a licença cerca de uma semanadepois, segundo as duas fontes, que pediram anonimato.

A licença prévia não dá autorização para construção dalinha, mas atesta que o projeto é viável. Uma segundaautorização, a licença de instalação, é necessária, e suaemissão pode levar meses.

No mês passado, a Reuters já havia antecipado que ademora do processo de licenciamento da linha, de cerca de 2,5mil quilômetros, começa a preocupar a State Grid.

A previsão original da empresa era que a licença préviasaísse em outubro de 2016 e a de instalação, que efetivamentelibera o início da obra, ficasse pronta em fevereiro.

Procurado, o Ibama afirmou por meio de sua assessoria deimprensa que o prazo legal para a análise é 7 de abril de 2017.

Embora ainda haja uma chance pequena de que a licença sejanegada, o processo corre normalmente no Ibama, segundo asfontes.

A State Grid, juntamente com Furnas e Eletronorte, ambas dosistema Eletrobras, já está construindo uma outralinha para transmitir a energia da usina de Belo Monte.

A hidrelétrica, que está sendo construída no rio Xingu, terácapacidade total de 11,2 mil megawatts (MW) e será uma dasmaiores do mundo quando concluída.

A segunda linha de transmissão deve estar pronta em dezembrode 2019 para que sua operação case com o ritmo das obras daprópria usina. Se isso não ocorrer, há o risco de parte de aenergia de Belo não ter como ser escoada para os grandes centrosde consumo.

O segundo linhão deve demandar investimentos totais de cercade 7 bilhões de reais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos