BCE deveria abandonar referências a juros mais baixos em orientação, diz membro do banco

FRANKFURT (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) deveria retirar a referência a possíveis cortes de juros em sua comunicação de política monetária para proteger sua credibilidade, disse o membro da Comissão Executivo Yves Mersch nesta sexta-feira.

"Por quanto tempo mais podemos continuar a falar de 'juros ainda mais baixos' como sendo uma opção de política monetária?" disse Mersch em um evento perto de Hamburgo.

"Considerando a importância da credibilidade para um banco central, como mencionado, não deve haver atraso em fazer os ajustes graduais necessários para a nossa comunicação."

A orientação do BCE, destinada a garantir aos mercados que a política monetária permanecerá frouxa por anos à frente, tem sido de que os juros permaneçam nos níveis atuais ou mais baixos por um período prolongado de tempo, muito além do horizonte de suas compras de títulos.

(Por Balazs Koranyi)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos