Quatro pessoas são presas no sul da França por plano de ataque a Paris

PARIS (Reuters) - Quatro pessoas foram presas dentro e nos arredores de Montpellier, cidade do sul da França, devido à suspeita de estarem planejando um ataque terrorista iminente no país, informou o Ministério do Interior nesta sexta-feira.

Fontes da polícia e do Judiciário disseram que entre as pessoas sob custódia há um homem de 20 anos e sua namorada de 16 anos, ambos conhecidos das autoridades por suas ligações com o islamismo radical, e que o ataque deveria acontecer em Paris.

A polícia encontrou explosivos e outros materiais para a fabricação de bombas na casa do homem, segundo as fontes. O Ministério do Interior confirmou a descoberta de explosivos.

A França, que irá realizar o primeiro turno de sua próxima eleição presidencial em pouco mais de 10 semanas, continua em alerta para possíveis ataques de militantes islâmicos.

Mais de 230 pessoas morreram em uma série de atentados desde o início de 2015, e a França se encontra sob um estado de emergência desde novembro do mesmo ano.

"As indicações iniciais são de que um ataque iminente em solo francês foi frustrado", disse o ministro do Interior, Bruno Le Roux, em um comunicado.

O governo diz ter impedido 17 ataques durante 2016. Em julho, 86 pessoas morreram quando um homem atirou um caminhão deliberadamente sobre uma multidão na cidade de Nice, na Riviera Francesa.

Nesta sexta-feira, um memorial improvisado estava sendo desmontado na localidade para dar lugar a um carnaval que deve começar no sábado.

Também nesta sexta-feira, um tribunal considerou inconstitucional uma lei aprovada em junho passado que permitia o monitoramento de sites jihadistas que exortam "atos de terrorismo" com frequência.

Na sexta-feira passada, um homem foi ferido a bala seriamente ao atacar soldados com facões do lado de fora do museu do Louvre, no centro de Paris.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos