Índia precisará importar 1,5 mi t de açúcar em 2017, diz associação

DUBAI (Reuters) - A Índia, maior consumidora de açúcar do mundo, provavelmente precisará importar cerca de 1,5 milhão de toneladas do adoçante na safra 2016/17, disse o presidente de uma das associações comerciais de açúcar do país à Reuters nesta segunda-feira.

"O cronograma das importações será estabelecido pelo governo, mas eu pessoalmente acredito que cerca de 1,5 milhão de toneladas seja suficiente", disse Praful Vithalani, presidente da All India Sugar Trade Association, durante entrevista paralela à Conferência de Açúcar de Dubai.

Vithalani disse que o governo provavelmente pode tomar uma decisão sobre as importações até março, mas não mais tarde que 15 de abril. Até lá, ele espera que o governo tenha uma projeção mais clara de números de produção e consumo.

A previsão do governo para a produção, de 22,5 milhões de toneladas, segue inalterada por enquanto, mas o Ministério dos Alimentos deverá revisar a situação em breve.

Vithalani estima a produção para a safra 2016/17 em cerca de 20 milhões de toneladas, 2 por cento para mais ou menos, com estoques iniciais de 7,7 milhões de toneladas e consumo de cerca de 24,5 milhões.

"Isso nos deixaria com estoques iniciais de 3,2 milhões a partir de outubro de 2017 para durar até 10 de novembro e isso não é um bom estoque inicial para começar a safra", disse Vithalani.

(Por Maha El Dahan)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos