"La La Land" mantém sequência de vitórias conquistando principais prêmios do Bafta

LONDRES (Reuters) - O musical "La La Land" foi o grande destaque da maior premiação britânica de cinema no domingo, recebendo os prêmios de melhor filme, melhor atriz para Emma Stone e melhor diretor para Damien Chazelle.

O filme ficou com cinco prêmios no total, levando adiante uma sequência de honrarias conquistadas na temporada de premiações que antecede o Oscar no final deste mês, sendo lembrado também nas categorias de fotografia e trilha sonora original.

Durante a cerimônia também houve menções veladas ao novo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que causou polêmica com seus planos de construir um muro na fronteira com o México e suas restrições à imigração.

"Em um momento de tantas divisões, acho que é realmente especial termos conseguido nos unir... para celebrar o dom positivo da criatividade e como ela pode transcender fronteiras e como pode ajudar as pessoas a se sentir um pouco menos sozinhas", disse Emma em seu discurso ao aceitar a homenagem.

"La La Land", musical à moda antiga sobre uma aspirante a atriz e um pianista de jazz que tentam vencer em Hollywood, havia sido indicado a 11 categorias dos prêmios da Academia Britânica de Artes do Cinema e da Televisão (Bafta, na sigla em inglês), e o êxito da noite de domingo veio na esteira de seu ótimo desempenho no Globo de Ouro, que lhe rendeu sete prêmios.

O filme divide um recorde de 14 indicações ao Oscar deste ano, que acontece no dia 26 de fevereiro, e coroa a temporada de premiações da indústria cinematográfica dos EUA.

(Por Alistair Smout)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos