Wenger estimula Ozil a sair de má fase sendo mais agressivo

(Reuters) - Mesut Ozil está passando por uma crise de confiança, de acordo com o técnico do Arsenal, Arsène Wenger, que pediu ao meio-campista alemão para ser mais implacável diante do gol para voltar a sacudir a rede dos adversários.

Ozil está sob fogo cerrado devido às atuações apagadas nas derrotas recentes para o Watford e o Chelsea, e fez pouca coisa para evitar críticas ao desperdiçar uma série de oportunidades na vitória de 2 x 0 do Arsenal sobre o Hull City pelo Campeonato Inglês no sábado.

"É hora de ele (Ozil) voltar a marcar gols. Talvez ele também reencontre a confiança, porque está perdendo chances. Ele tem chances e perde as chances que não parecem impraticáveis para ele", disse Wenger à mídia britânica.

Ozil, de 28 anos, que vem dividindo as opiniões dos torcedores desde sua transferência do Real Madrid em 2013 por um valor recorde, tem ficado à margem dos jogos nas últimas semanas e não fez nenhum gol nos oito últimos confrontos.

(Por Shravanth Vijayakumar em Bangalore)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos