Paquistão compra 60 mil t de soja; Brasil deve ser origem

SÃO PAULO (Reuters) - Importadores do Paquistão compraram cerca de 60 mil toneladas de soja nas últimas semanas, com provável origem no Brasil, disseram operadores europeus nesta terça-feira.

A soja deve ser embarcada entre junho e julho. A compra foi feita com um prêmio de 45 dólares (custo e frete) sobre os contratos de Chicago, disseram os operadores.

Há conversas de mercado não confirmadas de outra aquisição de 60 mil toneladas de soja foi feita pelos importadores paquistaneses, para embarque em julho/agosto.

As importações de soja pelo Paquistão em 2016 subiram acentuadamente, com aumento do processamento local reduzindo a demanda por importações de óleos vegetais.

"A demanda de curto prazo por importações de soja no Paquistão vai depender se o país decide restringir importações de farelo de soja da Índia nas próximas semanas", disse um operador.

(Por Michael Hogan)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos