Palestinos concordam com pedido de Trump para que Israel reduza assentamentos

RAMALLAH (Reuters) - O presidente palestino, Mahmoud Abbas, disse nesta quarta-feira que concorda com o pedido do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para que Israel "recue" na construção de assentamentos na Cisjordânia ocupada e em Jerusalém Oriental.

Um comunicado divulgado pelo gabinete de Abbas informou que "a Presidência exige que (Israel) concorde (com o pedido de Trump) e com a comunidade internacional para deter todas as atividades de assentamento, inclusive na Jerusalém Oriental ocupada".

Trump disse ao primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, em uma entrevista coletiva conjunta na Casa Branca que "eu gostaria de ver você recuar nos assentamentos um pouquinho".

(Reportagem de Ali Sawafta e Nidal al-Mughrabi)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos