Hezbollah diz que encontro entre Trump e Netanyahu sinaliza fim de negociações israelo-palestinas

BEIRUTE (Reuters) - O grupo libanês Hezbollah afirmou nesta quinta-feira que o resultado da reunião do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, com o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu, sinalizou efetivamente o fim de negociações pacíficas entre Israel e os palestinos.

"Depois do que saiu após a reunião entre Netanyahu e Trump, não estou exagerando se disser que ontem houve um anúncio semi oficial da morte do caminho das negociações", disse o líder do Hezbollah, Sayyed Hassan Nasrallah, discurso televisionado ao vivo.

(Reportagem de John Davison)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos