Preços do milho seguem pressionados por avanço na colheita, diz Cepea

SÃO PAULO (Reuters) - Os preços do milho no Brasil continuam caindo, pressionados pelo avanço da colheita e pela retração dos compradores, informou o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) nesta sexta-feira.

Segundo o Cepea, na região Sul, onde a colheita da safra verão apresenta bom ritmo e há mais milho disponível, a pressão nas cotações é ainda mais significativa.

Na média das regiões acompanhadas pelo Cepea entre os dias 10 e 16 de fevereiro, os preços do milho caíram 1,5 por cento no mercado de balcão e 1 por cento no mercado de lotes.

Veja a análise completa em:

(Por Laís Martins)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos