GE, Intel e AT&T testam sistema de câmeras e microfones em San Diego

SEATTLE (Reuters) - A General Electric vai colocar câmeras, microfones e sensores em 3.200 luzes de rua na cidade de San Diego neste ano, marcando o primeiro uso em larga escala das ferramentas de 'cidade inteligente', que segundo a empresa podem monitorar o tráfego e a criminalidade, ainda que levantam preocupações sobre privacidade.

Baseada em tecnologia da GE, da Intel e da AT&T, o sistema usa sensores em postes de luz para identificar tiros, estimar tamanho das multidões, medir velocidades e outras tarefas.

A cidade fornecerá os dados a empresários e estudantes para o desenvolvimento de aplicações. As empresas enxergam um mercado crescente para esses sistemas, que devem permitir às cidades um melhor planejamento.

"Esse é um mercado completamente novo", afirmou Maryrose Sylvester, presidente da divisão GE Current, em entrevista. Levantamento de 2014 conduzido pela Frost & Sullivan projetava o segmento de tecnologia para cidades em 1,5 trilhão de dólares até 2020, de acordo com ela.

O sistema começará a ser testado em julho e os dados serão disponibilizados no outono (do hemisfério Norte), disse Jen Lebron, porta-voz do prefeito de San Diego, Kevin Faulconer.

(Por Alwyn Scott)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos