Preços do petróleo recuam após alta de estoques nos EUA para recorde

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo fecharam com ligeira queda nesta quarta-feira, com estoques recordes nos EUA esfriando as expectativas de que o mercado irá reencontrar um equilíbrio em meio a evidências de que membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) estão respeitando o acordo para cortar produção.

Os estoques de petróleo nos Estados Unidos, maior consumidor global, subiram 1,5 milhão de barris na semana passada, menos que o previsto pelo mercado, mas subindo para um recorde de 520,2 milhões de barris, depois de oito altas consecutivas.

As sucessivas altas nos estoques têm aumentado as preocupações de que o crescimento da demanda pode não ser suficiente para enxugar o excedente global, apesar do acordo entre grandes produtores para cortar bombeamento durante o primeiro semestre de 2017.

Os contratos futuros do petróleo nos Estados Unidos (WTI) com entrega em abril fecharam a 53,83 dólares por barril, queda de 0,18 dólar, ou 0,3 por cento. O Brent com vencimento em maio caiu 0,15 dólar, ou 0,3 por cento, para 56,36 dólares por barril.

(Por Jessica Resnick-Ault)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos