Investigadores russos dizem ter encontrado restos mortais de suspeito de explosão no metrô

MOSCOU (Reuters) - O comitê estatal de investigação da Rússia disse nesta terça-feira que a explosão fatal no metrô de São Petersburgo na véspera foi causada por uma bomba que foi possivelmente detonada por um homem cujos restos mortais foram encontrados em um dos vagões do metrô.

"Foi verificado que um explosivo pode ter sido detonado por um homem, cujos restos mortais foram encontrados no terceiro vagão do metrô", disse o comitê em comunicado.

"O homem foi identificado, mas sua identidade não será divulgada por enquanto por causa da investigação", acrescentou.

(Reportagem de Ekaterina Golubkova)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos