Rússia diz que concorda com EUA para implementar acordo aéreo na Síria, dizem agências

MOSCOU (Reuters) - Os chefes de Estado-Maior da Rússia e Estados Unidos concordaram neste sábado em retomar completamente a implementação de um memorando conjunto sobre a prevenção de incidentes aéreos sobre a Síria, disseram agências de notícias russas citando o Ministério da Defesa russo.

O general russo Valery Gerasimov e sua contraparte norte-americana, o general Joseph Dunford, discutiram em um telefonema as zonas de "desescalada" da Síria e concordaram em continuar trabalhando em medidas adicionais destinadas a evitar confrontos na Síria.

O memorando de segurança de aeronaves foi assinado em outubro de 2015 depois que a Rússia começou a bombardear alvos na Síria para apoiar as forças do governo sírio na sua luta contra o Estado Islâmico e outros grupos armados.

(Reportagem de Maria Kiselyova)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos