Putin diz que não houve qualquer acordo secreto entre Moscou e Trump

SÃO PETERSBURGO, Rússia (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta sexta-feira que as alegações de que teria havido uma negociação secreta entre Moscou e Donald Trump antes de sua eleição como presidente dos Estados Unidos são apenas "histeria".

"Não houve nada concreto, zero. É só histeria. Devo te dar um comprimido?", disse Putin quando perguntado sobre um possível acordo entre Trump e Moscou.

Putin, falando no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo, acusou os Estados Unidos de realizarem "interferências grosseiras e sistemáticas em questões da Rússia por muitos anos".

(Reportagem de Christian Lowe, Andrey Ostroukh e Denis Pinchuk)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos