Forças iraquianas repelem ação do EI em Mosul

TIRKIT, Iraque (Reuters) - As forças iraquianas repeliram uma ofensiva lançada nas primeiras horas deste sábado pelo Estado Islâmico na cidade sunita de Shirqat, ao sul de Mosul, durante a qual mais de 30 militares e civis foram mortos e 40 feridos, disseram fontes de segurança.

Cerca de uma dúzia de combatentes do Estado islâmico também foram mortos na luta, disseram as fontes.

Cerca de metade dos mortos na cidade eram civis e os demais membros das forças armadas iraquianas e dos lutadores tribais sunitas.

O Estado Islâmico perdeu Shirqat para forças do governo iraquiano e combatentes tribais no ano passado. Sua queda abriu o caminho para a ofensiva em Mosul, a capital de fato dos militantes no Iraque.

Oito meses após a ofensiva apoiada pelos EUA para retirar Mosul, toda a cidade foi retomada pelas forças do governo iraquiano exceto um enclave.

Os militantes continuam controlando os bolsos do sul e oeste de Mosul, bem como partes do território perto da fronteira com a Síria e dentro da Síria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos