Trump cobra senadores republicanos a trabalharem mais por reforma da saúde

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, cobrou os senadores republicanos nesta sexta-feira a trabalharem mais duro para cumprirem a promessa de derrubar o Obamacare, depois que a mais recente proposta republicana para reformar o sistema de saúde dos EUA recebeu firme oposição que ameaça acabar com o proposta.

Em mensagem publicada no Twitter durante visita a Paris, onde foi convidado de honra das comemorações do Dia da Bastilha, Trump disse que o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, está trabalhando em avanços no projeto de reforma da saúde "e colocando nossos maravilhosos senadores republicanos para fazer o que é certo para o povo".

"Após todos esses anos de sofrimento pelo Obamacare, os senadores republicanos precisam avançar como prometeram", acrescentou.

Os líderes republicanos no Senado apresentaram um projeto revisado na quinta-feira para derrubar a legislação de saúde do governo do ex-presidente Barack Obama, conhecida como Obamacare, mas o novo texto recebeu críticas de senadores do próprio Partido Republicano, indicando um caminho difícil para o projeto.

O líder da maioria do Senado, o republicano Mitch McConnell, está sob pressão de Trump para aprovar a reforma da saúde e cumprir a promessa republicana de acabar com a legislação de Obama.

Uma vez que a oposição democrata está unida contra o novo projeto, McConnel não pode perder o voto de mais do que dois senadores republicanos para conseguir aprovar a lei, mas a moderada Susan Collins e o conservador Rand Paul já expressaram oposição até mesmo a levar o novo plano a debate.

Vários senadores também expressaram preocupações com o projeto de lei, em particular com cortes no Medicaid, que disponibiliza atendimento médico a pessoas de baixa renda.

E dois outros senadores republicanos, Lindsey Graham e Bill Cassidy, complicaram as coisas ao anunciar um plano alternativo.

(Reportagem de David Alexander)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos