Cristiano Ronaldo comparece a tribunal para depor sobre acusações de fraude fiscal

POZUELO DE ALARCON, Espanha (Reuters) - O atacante do Real Madrid Cristiano Ronaldo, acusado de fraude fiscal de 14,7 milhões de euros, chegou ao tribunal de Pozuelo de Alarcon nesta segunda-feira para depor.

O jogador português, de 32 anos, nega todas as acusações por meio de seus representantes.

Caso considerado culpado de omitir ganhos de seus direitos de imagem entre 2011 e 2014, Ronaldo poderá sofrer uma grande multa e uma possível pena de prisão.

Tribunais espanhóis têm combatido recentemente a sonegação de impostos entre importantes jogadores de futebol.

Lionel Messi, do Barcelona, foi condenado neste ano a 21 meses de prisão por acusações semelhantes, mas depois teve a pena substituída por uma multa de 255 mil euros.

(Reportagem de Rik Sharma)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos