Temer diz que anuncia na 5ª-feira nova remuneração do FGTS que dará R$7 bi a mais ao fundo

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente Michel Temer disse que será anunciado na próxima quinta-feira uma nova remuneração para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço que, segundo ele, acrescentará 7 bilhões de reais ao FGTS.

"Na quinta-feira nós vamos anunciar 7 bilhões do Fundo de Garantia para os trabalhadores brasileiros, fruto de uma nova remuneração para o Fundo de Garantia", disse o presidente em cerimônia sobre financiamento imobiliário da Caixa Econômica Federal, nesta terça-feira, em São Paulo.

A mudança na remuneração do FGTS já havia sido definida pelo governo em dezembro do ano passado, quando anunciou uma série de ações para tentar estimular a economia. [nL1N1EA1YB]

Atualmente, o FGTS tem uma remuneração de 3 por cento ao ano mais a Taxa Referencial (TR). Na ocasião, o governo indicou que a nova remuneração do fundo passará a ser de 5 ou 6 por cento ao ano mais TR, próximo do que rende a poupança.

(Reportagem de Gabriela Mello)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos