Putin e Moon condenam Coreia do Norte devido a teste nuclear, diz Kremlin

MOSCOU (Reuters) - O presidente russo, Vladimir Putin, e seu colega sul-coreano, Moon Jae-in, conversaram por telefone nesta segunda-feira e condenaram categoricamente a Coreia do Norte por seu mais recente teste nuclear, disse o Kremlin, em comunicado.

O Kremlin afirmou que Putin disse a Moon que a única maneira de resolver a crise é por meio de diplomacia e conversações.

A Rússia viu o mais recente teste de Pyongyang como uma ameaça séria à paz e segurança na região, disse o Kremlin.

(Reportagem de Andrew Osborn)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos