Número de mortes por terremoto no México sobe para 91

Na Cidade do México

  • Pedro Pardo/AFP Photo

O forte terremoto que atingiu o sul do México na noite de quinta-feira deixou ao menos 91 mortos, danificou dezenas de milhares de casas e afetou mais de dois milhões de pessoas em uma região pobre do país, disseram autoridades do governo, à medida que mais detalhes sobre o desastre vieram à tona.

O terremoto de magnitude 8,1 na costa do Estado de Chiapas foi mais forte do que um tremor de 1985 que destruiu partes da Cidade do México e matou milhares de pessoas. Entretanto, sua profundidade maior e distância ajudou a salvar a capital de danos mais graves.

No sábado, autoridades no Estado de Oaxaca disseram que havia 71 mortes confirmadas na região, muitas na cidade de Juchitan, onde a pressa para enterrar vítimas lotou um cemitério local durante o final de semana.

Outra morte foi confirmada no Estado vizinho de Chiapas na noite de domingo, elevando o total de vítimas fatais na região para 16, disse um porta-voz dos serviços de emergência locais.

Outras quatro mortes também foram registradas no Estado de Tabasco.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos