Ataque reivindicado pelo Estado Islâmico deixa ao menos 50 mortos no Iraque

BAGDÁ (Reuters) - Homens-bomba atacaram um restaurante e um posto de controle policial em uma estrada perto da cidade iraquiana de Nassiriya, nesta quinta-feira, deixando ao menos 50 mortos e mais de 80 feridos, informaram fontes policiais e uma autoridade de saúde, em um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico.

Um agressor detonou seu colete explosivo dentro de um restaurante a sudoeste de Nassiriya enquanto outros militantes abriram fogo contra pessoas que estavam dentro do estabelecimento, disseram fontes da polícia.

O chefe do Diretório de Saúde de Nassiriya, Jasim al-Khalidi, disse que o hospital da cidade recebeu 50 corpos e que o número de mortes pode aumentar devido ao estado grave de alguns dos feridos.

Um comunicado divulgado pela agência de notícias Amaq, que apoia o Estado Islâmico, disse que os combatentes do grupo radical muçulmano sunita atacaram um restaurante e um posto de controle, matando "dezenas de xiitas".

(Reportagem de Aref Mohammed, Ahmed Rasheed e Mohamed El Sharif)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos