Cuba critica duramente expulsão de 15 diplomatas do país pelos EUA

HAVANA (Reuters) - O ministro das Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez, protestou de forma irritada contra a expulsão de 15 diplomatas da embaixada cubana em Washington nesta terça-feira, classificando-a de "injustificada".

As tensões entre Cuba e Estados Unidos têm aumentado após os EUA descreverem "ataques" afetando a saúde de funcionários norte-americanos em Cuba. Rodríguez disse a jornalistas em Havana que Washington não deu informação suficiente para que fosse feita uma investigação sobre a questão.

(Reportagem de Sarah Marsh)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos