Premiê espanhol pede que líder catalão abandone plano de independência e evite "maiores males"

MADRI (Reuters) - O primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, pediu, nesta quinta-feira, que o líder da Catalunha, Carles Puigdemont, abandone planos de declarar de maneira unilateral a independência da região e evite "maiores males".

Em entrevista à agência de notícias EFE, Rajoy disse que a solução para a crise na Catalunha é um rápido retorno à legalidade e "um comunicado o mais rápido possível de que não vai haver uma declaração unilateral de independência, porque isso também evitará maiores males", disse Rajoy, sem fornecer mais detalhes.

(Reportagem de Adrian Croft)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos