Governo espanhol diz que qualquer diálogo com Catalunha precisa estar dentro da lei

MADRI (Reuters) - O líder catalão, Carles Puigdemont, precisa voltar ao caminho da lei se quiser a realização de negociações, e ele não tem o direito de impor uma mediação com o governo, disse a vice-primeira-ministra da Espanha, Soraya Sáenz de Santamaría, nesta terça-feira.

"Nem o senhor Puigdemont nem ninguém pode reivindicar ... impor mediação. Qualquer diálogo entre democratas deve ocorrer dentro da lei", disse Sáenz de Santamaría depois que Puigdemont declarou a independência da Catalunha perante a Espanha, mas imediatamente a suspendeu para dar tempo a um solução mediada com a Espanha.

O governo espanhol se reunirá na quarta-feira para decidir sobre a resposta a esta declaração.

(Reportagem de Adrian Croft)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos