Militantes do Estado Islâmico devem deixar Raqqa neste sábado com civis como escudo humano

BEIRUTE (Reuters) - Todos os combatentes do Estado Islâmico em Raqqa, na Síria, devem deixar a cidade na noite deste sábado, levando civis como escudos humanos, de acordo com uma autoridade local.

Omar Alloush, membro do Conselho Civil de Raqqa, criado para dirigir a cidade depois de liberada pelo Estado Islâmico, disse que os militantes levariam 400 civis que se encontravam no Hospital Nacional da cidade.

(Por John Davison)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos