Turquia diz que pode fechar fronteira com Iraque para conter separatistas curdos

ISTAMBUL (Reuters) - O presidente turco, Tayyip Erdogan, disse que a Turquia pode fechar a fronteira com o norte do Iraque "a qualquer momento" depois de ter interditado o espaço aéreo para a região, noticiou o jornal Hurriyet nesta quinta-feira, renovando uma ameaça feita logo depois de os curdos realizarem um referendo de independência.

"Fechamos completamente nosso espaço aéreo para o governo regional no norte do Iraque", disse Erdogan a repórteres no avião que o levava de volta para casa após uma visita à Polônia, segundo o jornal.

"As conversas sobre o que será feito quanto à terra (fronteira) continuam... não fechamos os portões da fronteira ainda, mas isso pode acontecer a qualquer momento", acrescentou.

Na segunda-feira, a Turquia anunciou que estava interditando seu espaço aéreo para a região curda semiautônoma e disse que trabalhará para ceder o controle de sua principal passagem de fronteira para a região ao governo central do Iraque.

O portão de Habur é o principal ponto de trânsito entre a Turquia e o Governo Regional do Curdistão.

Um referendo realizado em 25 de setembro, no qual os curdos do norte iraquiano votaram majoritariamente a favor da independência, alarmou Bagdá, os vizinhos do Iraque e potências ocidentais, todos temerosos do surgimento de novos conflitos regionais em decorrência da votação.

Subsequentemente forças curdas peshmergas recuaram para posições que ocupavam no norte do Iraque em junho de 2014 em reação a um avanço do Exército iraquiano sobre a região após o plebiscito, disse um comandante iraquiano veterano na quarta-feira.

Ancara, que vem combatendo uma insurgência de três décadas no sudeste de maioria curda da Turquia, teme que um Estado curdo independente em suas divisas intensifique a tensão separatista em casa.

(Por Tulay Karadeniz)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos