Homens armados matam 13 gendarmes do Níger em ataque próximo à fronteira com o Mali

NIAMEY (Reuters) - Homens armados em caminhões e motos vindos do Mali mataram 13 gendarmes e feriram cinco outros em um ataque à sua base no oeste de Níger, disseram fontes de segurança neste sábado.

A cidade fica a algumas dezenas de quilômetros do local onde militantes mataram quatro soldados norte-americanos em uma emboscada em 4 de outubro, que lançou luz sobre a missão de contraterrorismo dos Estados Unidos no Níger, que atravessa uma grande extensão do Saara.

Autoridades do Exército do Níger confirmaram o ataque e o número de mortos, mas não forneceram mais detalhes. Os atacantes cruzaram a fronteira com o Mali e dirigiram até a cidade de Ayorou antes de lançar o ataque, disseram fontes de segurança.

"Eles estavam altamente armados. Possuíam lançadores de foguetes e metralhadoras e vieram em quatro veículos, cada um com cerca de sete combatentes", disse uma fonte de segurança no local.

Reforços chegaram mais tarde e os pararam enquanto tentavam voltar à Mali, disse outra fonte de segurança no local, e uma batalha armada com militantes estava em andamento.

"Forças terrestres e aéreas estão perseguindo os atacantes visando neutralizá-los", informou o Exército do Níger, confirmando o número de mortos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos