Chefe de negócios do governo catalão renuncia por estratégia de independência

MADRI (Reuters) - O chefe de negócios do governo catalão renunciou nesta quinta-feira, afirmou uma fonte do governo, depois que o presidente regional, Carles Puigdemont, descartou eleições e deixou de lado a possibilidade de uma declaração unilateral de independência da Espanha.

Santi Vila disse que se opunha a tal declaração, e o jornal La Vanguardia informou que ele preferia eleições regionais.

(Reportagem de Isla Binnie)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos