Putin diz, em decreto, que Forças Armadas russas são compostas por 1,9 milhão de pessoas

MOSCOU (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, assinou um decreto na quinta-feira em que afirma que as Forças Armadas russas são compostas por mais de 1,9 milhão de pessoas, incluindo mais de 1 milhão de militares.

A agência de notícias Tass disse que o novo decreto substitui um de 2016, que havia definido o número total de membros das Forças Armadas em cerca de 1,8 milhão de pessoas.

(Reportagem de Christian Lowe)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos