Homens encontrados em marina do Japão dizem ser pescadores da Coreia do Norte

TÓQUIO (Reuters) - Policiais do norte do Japão encontraram oito homens perto de um barco perto de uma marina que disseram ser da Coreia do Norte e que parecem ser pescadores cuja embarcação teve problemas, e não desertores, disse uma autoridade da polícia nesta sexta-feira.

O incidente ocorreu em um momento de tensão crescente em relação aos programas de armas nucleares e mísseis de Pyongyang desde que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reinseriu a nação isolada em uma lista de Estados patrocinadores do terrorismo, o que permite aos EUA imporem novas sanções.

A polícia japonesa colocou os homens sob custódia depois que um morador de Yurihonjo, cidade da região de Akita, alertou a corporação para a presença de indivíduos de nacionalidade desconhecida, disse o policial Yoshinobu Ito à Reuters.

Os homens, que disseram ser norte-coreanos, aparentam ser pescadores cujo barco de madeira, encontrado nas proximidades, teve dificuldades e ficou à deriva, segundo Ito, acrescentando que a polícia e as autoridades estão lidando com a questão.

Quando indagado se a possibilidade de os homens serem espiões foi descartada, o secretário-chefe de gabinete japonês, Yoshihide Suga, disse em uma coletiva de imprensa que as autoridades estão tratando do caso com cuidado.

O Japão está estudando planos para lidar com um possível influxo de dezenas de milhares de norte-coreanos caso uma crise militar ou de outro tipo irrompa na península, e também para eliminar espiões e terroristas entre eles, disse um jornal local.

Na semana passada um soldado norte-coreano desertou para a Coreia do Sul e foi baleado e ferido por militares de seu país enquanto cruzava a fronteira da Zona Desmilitarizada entre os dois países.

(Por Linda Sieg e Kiyoshi Takenaka)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos