China diz que ressurgimento de tensões na península coreana é lamentável

PEQUIM (Reuters) - O ministro de Relações Exteriores da China, Wang Yi, disse nesta segunda-feira que depois de dois meses de relativa calma na península coreana o ressurgimento de tensões é lamentável.

Wang, falando a repórteres durante coletiva de imprensa conjunta com seu colega da Mongólia, disse que a China tem uma atitude aberta quanto a soluções para a questão nuclear da Coreia do Norte, mas que os envolvidos devem ser consultivos.

No final de novembro, a Coreia do Norte testou seu míssil balístico intercontinental mais avançado até agora, colocando o território dos Estados Unidos dentro de seu alcance e aumentando a pressão sobre o presidente norte-americano, Donald Trump, para lidar com a nação equipada com armas nucleares.

O norte-coreano Comitê para a Reunificação Pacífica do País chamou Trump de "louco" no domingo e disse que exercícios aéreos entre os EUA e a Coreia do Sul iriam "empurrar a já grave situação na península coreana para a beira de uma guerra nuclear"

(Reportagem de Philip Wen)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos