EUA colocam Paquistão sob aviso: faça mais para impedir terrorismo

Por Steve Holland e Drazen Jorgic

WASHINGTON/ISLAMABAD (Reuters) - Os Estados Unidos acusaram nesta terça-feira o Paquistão de fazer jogo duplo no combate ao terrorismo e alertaram Islamabad que o país precisa fazer mais caso queira manter auxílio norte-americano.

"Eles podem fazer mais para impedir terrorismo e queremos que eles façam isto", disse a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, a repórteres.

    A Casa Branca informou que irá possivelmente anunciar dentro de dias sanções para pressionar o Paquistão, pouco após a embaixadora dos EUA Nikki Haley dizer nas Nações Unidas que Washington irá retirar 255 milhões de dólares em assistência ao Paquistão.

    "Há razões claras para isto. O Paquistão tem feito um jogo duplo há anos", disse Haley a repórteres. "Eles trabalham conosco às vezes, e eles também abrigam os terroristas que atacam nossas tropas no Afeganistão".

    "Este jogo não é aceitável para este governo. Esperamos muito mais cooperação do Paquistão na luta contra o terrorismo".

    Os comentários seguiram um tuíte raivoso do presidente Donald Trump na segunda-feira de que os EUA foram recompensados com "nada além de mentiras e enganos" por darem "tolamente" ao Paquistão mais de 33 bilhões de dólares em auxílio nos últimos 15 anos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos