Topo

Explosão atinge polícia na capital do Afeganistão e deixa diversos mortos e feridos

04/01/2018 18h11

Por Mirwais Harooni

CABUL (Reuters) - Um homem-bomba na capital do Afeganistão causou diversas mortes e deixou vários feridos nesta terça-feira após se explodir perto de um grupo de membros das forças da segurança que realizava uma operação contra comércio ilegal de drogas e álcool, disseram autoridades.

O Estado Islâmico, que reivindicou uma série de ataques em Cabul nos últimos dois anos, emitiu um comunicado em sua agência de notícias Amaq dizendo ser responsável.

O grupo informou em comunicado que o homem-bomba que tinha como alvo um grupo de policiais e membros do serviço de inteligência havia detonado um colete explosivo, matando ou ferindo cerca de 80 deles.

Wahid Majroh, porta-voz do Ministério de Saúde Pública, disse que 11 mortos e 25 feridos haviam sido levados para hospitais municipais após a explosão em um área da cidade não muito longe da embaixada dos Estados Unidos e de outras missões estrangeiras.

Conforme forças da segurança chegaram, um repórter da Reuters viu quatro veículos policiais retirando membros da segurança mortos ou feridos do local.

Policiais no local disseram que o homem-bomba vestia um uniforme policial ou militar e havia abordado um grupo de membros das forças da segurança fiscalizando vendedores ilegais de drogas e álcool, mas não houve confirmação oficial.