Partidos alemães abandonam meta de redução de emissões de carbono em negociações de coalizão

Por Markus Wacket

BERLIM (Reuters) - Os partidos que estão em negociações para formar um novo governo de coalizão na Alemanha abandonaram uma meta assumida anteriormente pelo país para reduzir as emissões de dióxido de carbono em 40 por cento até 2020, disseram duas fontes à Reuters.

Anteriormente, o grupo de jornais RND havia relatado que representantes do Partido Social-Democrata (SPD) e os conservadores da chanceler Angela Merkel tinham abandonado a meta, mas que ainda iriam manter o objetivo de reduzir as emissões em 55 por cento até 2030.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos