Astronauta japonês pede desculpas por mentira sobre ter crescido 9 centímetros

TÓQUIO (Reuters) - O astronauta japonês Norishige Kanai, que está em missão na Estação Espacial Internacional, pediu desculpas nesta quarta-feira por ter dito que havia crescido 9 centímetros enquanto estava no espaço e expressado preocupação sobre se estaria seguro em sua volta à Terra.

A maior parte dos astronautas “cresce” durante missões espaciais prolongadas porque suas espinhas se estendem na ausência de gravidade, mas os ganhos são normalmente limitados a no máximo alguns centímetros e desaparecem assim que estão de volta à Terra.

Kanai, de 41 anos e que foi ao espaço no mês passado para uma missão de quase seis meses, publicou no Twitter na segunda-feira que tinha “um grande anúncio”.

“Minha altura foi medida aqui no espaço e de alguma maneira eu cresci 9 centímetros! Em somente três semanas eu realmente espichei, algo que não fazia desde o ensino médio”, tuitou.

“Isto me deixa um pouco preocupado de que posso não caber nos assentos da Soyuz para nosso retorno”.

Mas um pouco mais de um dia depois --e após diversas reportagens-- ele pediu desculpas, dizendo ter se medido após seu capitão levantar dúvidas sobre o suposto crescimento e que havia crescido somente 2 centímetros em relação à sua altura na Terra.

(Reportagem de Elaine Lies)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos