Cerca de 1.400 migrantes são resgatados; dois corpos são encontrados, diz guarda costeira italiana

ROMA (Reuters) - Cerca de 1.400 migrantes foram retirados de botes superlotados na região da costa da Líbia nesta terça-feira, disse a guarda costeira italiana, e dois corpos foram recuperados.

Embarcações da guarda costeira e da polícia italianas, a operação antitráfico da União Europeia e barcos de organizações humanitárias participaram em 11 operações de resgate, afirmou um comunicado.

Não foram dadas informações sobre as nacionalidades dos resgatados, e também não foram dados detalhes sobre os mortos.

Apesar de centenas de milhares de migrantes terem chegado à Europa via Itália em botes vindos do norte da África nos últimos quatro anos, é raro ver tantas pessoas resgatadas num único dia durante o inverno, quando o mar tende a ficar mais agitados.

Até agora neste ano 974 migrantes chegaram à Itália pelo mar, menos do que os 2.393 no mesmo período no ano passado, disse o Ministério do Interior na terça-feira antes dos últimos resgates.

(Reportagem de Steve Scherer)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos