Candidato de esquerda lidera pesquisa para eleições presidenciais no México

Dave Graham, da Cidade do México

  • Carlos Jasso/Reuters

O político de esquerda Andrés Manuel López Obrador consolidou sua liderança na disputa pela presidência do México, mas a corrida se tornou mais acirrada com outro concorrente da oposição ganhando terreno, enquanto o nome do partido governista perdeu fôlego, segundo uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira (29).

A pesquisa feita pela empresa Buendia & Laredo entre os dias 19 e 25 de janeiro mostrou López Obrador com 32% de apoio e Ricardo Anaya, ex-presidente do conservador Partido Ação Nacional (PAN) que lidera uma coalizão de esquerda, com 26%.

De volta ao terceiro lugar, com 16% de apoio antes da eleição de 1º de julho, apareceu José Antonio Meade, ex-ministro das Finanças que pleiteia a indicação do governista Partido Revolucionário Institucional (PRI), segundo o levantamento publicado no jornal "El Universal".

O PRI não escolherá seu candidato oficialmente antes de 18 de fevereiro, mas os líderes da legenda apoiam Meade e muitos acreditam que ele será confirmado como candidato, apesar de alguma dissidência interna sobre o andamento da campanha.

Uma sondagem separada do início deste mês também mostrou que Meade não está avançando. Se esta tendência persistir, a eleição se transformará em um confronto entre López Obrador, ex-prefeito da Cidade do México de 64 anos, e Anaya, 38.

Uma pesquisa de 6 de dezembro da Buendia & Laredo atribuiu a López Obrador 31% do apoio dos eleitores, 23% a Anaya e 16% a Meade.

A pesquisa publicada nesta segunda-feira (29) se baseou em 1.002 entrevistas e tem margem de erro de 3,53 pontos percentuais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos