EUA não deixarão liderança comercial das Américas a países autoritários, diz secretário de Comércio

LIMA (Reuters) - Os Estados Unidos não deixarão a liderança comercial em seu próprio continente nas mãos de países autoritários, disse o secretário de Comércio dos EUA, Wilbur Ross, nesta quinta-feira.

Ele afirmou, durante participação na Cúpula das Américas, que seu país está comprometido em impulsionar a prosperidade do hemisfério, depois que seu governo assegurou na semana passada que os Estados Unidos devem ser o parceiro comercial preferencial da América Latina, e não a China.

Ross disse que a região registrou um déficit comercial de 67 bilhões de dólares no ano passado com a gigante asiática, que é a maior compradora de matérias-primas da América Latina.

(Por Mitra Taj e Pablo Garibian)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos