Israel mata atirador do Hamas em meio a escalada de confronto na fronteira com Gaza

GAZA (Reuters) - Um ataque aéreo de Israel matou um atirador do Hamas e feriu outro nesta quinta-feira, disseram autoridades médicas palestinas, em meio a uma escalada no confronto na fronteira com a Faixa de Gaza.

Israel disse que o bombardeio foi realizado em reação a um ataque com bomba contra um veículo militar na fronteira com Gaza ocorrido na quarta-feira e que não resultou em baixas. Atiradores dispararam contra a aeronave e por sua vez foram alvejados, explicaram os militares israelenses.

Os dois lados estão se preparando para manifestações dos palestinos na divisa de Gaza na sexta-feira – a terceira rodada de protestos semanais programados para atingir seu auge em meados de maio, o 70º aniversário da fundação de Israel, data lastimada pelos palestinos.

O Exército israelense matou 30 dos manifestantes palestinos a tiros, o que provocou repúdio internacional.

Israel considera as manifestações às vezes violentas um esforço do Hamas, o grupo islâmico que controla de fato Gaza, de atiçar a hostilidade palestina contra o Estado judeu e proporcionar cobertura para possíveis ataques através da cerca da fronteira.

(Por Nidal al-Mughrabi)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos