Chanceler russo espera que experiência da Líbia não seja repetida na Síria

MOSCOU (Reuters) - O ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse nesta sexta-feira que espera que não haja nenhuma repetição da experiência da Líbia e do Iraque no conflito da Síria.

"Deus me livre que qualquer coisa perigosa seja feita na Síria seguindo a experiência líbia e iraquiana", disse Lavrov em coletiva de imprensa nesta sexta-feira.

Ele disse que até o menor erro de cálculo na Síria pode levar a novas ondas de imigrantes e que ultimatos e ameaças não ajudam o diálogo.

A Rússia e os Estados Unidos estão utilizando seus canais de comunicação sobre a Síria, informou o ministro.

(Reportagem de Denis Pinchuk)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos