Assad, da Siria, diz que vai visitar Coreia do Norte, diz agência

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente sírio, Bashar al-Assad, disse que pretende visitar o líder norte-coreano Kim Jong Un, informou a mídia estatal norte-coreana no domingo, possivelmente a primeira reunião entre Kim e outro chefe de Estado em Pyongyang.

"Vou visitar a Coreia do Norte e me encontrar com Kim Jong Un", disse Assad em 30 de maio, informou a agência de notícias KCNA, da Coreia do Norte.

Não houve comentários imediatos do gabinete do presidente sírio.

Assad teria feito as declarações ao receber as credenciais do embaixador norte-coreano Mun Jong Nam.

Pyongyang e Damasco mantêm boas relações, e monitores das Nações Unidas acusam a Coreia do Norte de cooperar com a Síria em armas químicas, uma acusação que o governo norte-coreano nega.

(Por Josh Smith)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos