Pesquisa no México mostra grande vantagem de presidenciável de esquerda e muitos indecisos

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - O candidato de esquerda à Presidência do México Andres Manuel Lopez Obrador conquistou o dobro do apoio de seu rival três semanas antes das eleições, mostrou uma importante pesquisa da federação de empregadores Coparmex nesta terça-feira.

A pesquisa de abrangência nacional realizada pelas empresas de pesquisa Berumen e Ipsos entre 30 de maio e 6 de junho coletou mais de 13 mil entrevistas.

Questionados sobre em quem votariam "hoje", 41,7 por cento dos entrevistados optaram pelo ex-prefeito da Cidade do México Lopez Obrador, e 21 por cento optaram por Ricardo Anaya, que é o candidato de uma coalizão entre esquerda e direita.

Em terceiro lugar, com 13,6 por cento de apoio, estava José Antonio Meade, candidato do governista Partido Revolucionário Institucional (PRI).

O candidato independente Jaime Rodriguez tinha 2,3 por cento de apoio, enquanto 21,5 por cento ainda não tinham decidido ou não responderam.

Lopez Obrador tem se beneficiado de um amplo desencantamento com o PRI por corrupção política, níveis recordes de violência e fraco crescimento econômico.

Por Dave Graham)

(Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))

REUTERS LM AC

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos