PUBLICIDADE
Topo

Marido de atriz pornô que disse ter tido relação sexual com Trump pede divórcio por infidelidade

24/07/2018 10h27

Por Steve Gorman

LOS ANGELES (Reuters) - O marido da atriz pornô Stormy Daniels, que ficou famosa após alegar ter tido relação sexual com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, entrou com um pedido de divórcio no Estado norte-americano do Texas a acusando de infidelidade, indicaram registros judiciais na segunda-feira.

Glendon Crain também solicitou com sucesso uma medida cautelar para impedir sua esposa, cujo nome verdadeiro é Stephanie Clifford, de levar a filha de 7 anos do casal em sua turnê nacional por boates de striptease, de acordo com os documentos.

A ordem judicial, emitida por um juiz do condado de Kaufman, no Texas, impede Stormy de ter qualquer contato com a criança ou acesso à casa e aos carros da família em Forney, subúrbio de Dallas. Ela também está proibida de transferir ou "obstruir" qualquer recurso das contas de qualquer uma das partes.

O juiz marcou uma audiência para sexta-feira para decidir se irá ampliar os termos da medida.

A petição de Crain cita diferenças irreconciliáveis e adultério como motivos para o divórcio, sem dar detalhes, e pede a custódia plena da filha do casal, além de pensão alimentícia, posse da casa e uma "parcela desproporcional" dos bens do casal.

A petição e a medida cautelar, ambas datadas do dia 18 de julho, foram obtidas pela Reuters mediante pedido ao tribunal.

A ação de divórcio veio à tona na segunda-feira quando o advogado de Stormy, Michael Avenatti, "questionou veementemente" a precisão dos autos em publicação no Twitter. Avenatti não mencionou a medida cautelar.