Rússia diz que irá considerar possíveis novas sanções dos EUA como declaração de guerra econômica

MOSCOU (Reuters) - A Rússia vai considerar como uma declaração de guerra econômica se os Estados Unidos impuserem proibições contra bancos ou uma moeda específica, disse o primeiro-ministro russo, Dmitry Medvedev, nesta sexta-feira, segundo a agência de notícias estatal Tass.

"Eu não gostaria de comentar sobre conversas sobre sanções futuras, mas posso dizer uma coisa: se uma proibição a operações bancárias ou ao uso de uma ou outra moeda vier a ocorrer, seria possível chamar isso claramente de uma declaração de guerra econômica", disse Medvedev.

"E seria necessário reagir a essa guerra economicamente, politicamente, ou, se necessário, por outros meios. E nossos amigos norte-americanos precisam entender isso", acrescentou.

(Reportagem de Andrey Ostroukh)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos