Trump diz que espera ter o pastor norte-americano Brunson em casa em breve

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta sexta-feira que espera que o pastor cristão dos Estados Unidos Andrew Brunson fique em segurança em breve, pouco depois de um tribunal turco decidir libertá-lo depois de uma detenção de dois anos.

"Meus pensamentos e orações estão com o pastor Brunson, e esperamos tê-lo em segurança de volta para casa em breve", escreveu Trump no Twitter.

Um tribunal turco aprovou uma sentença de três anos e um mês e meio contra Brunson, que havia sido acusado de crimes de terrorismo, mas disse que não iria mais cumprir a pena porque já estava detido desde outubro de 2016.

(Reportagem de Susan Heavey)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos