PUBLICIDADE
Topo

Premiê japonês apoia Trump após reunião sem acordo com Coreia do Norte

28/02/2019 09h03

TÓQUIO (Reuters) - O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, disse na quinta-feira que apoia totalmente a decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de encerrar sua cúpula com o líder norte-coreano, Kim Jong Un, sem um acordo.

     "Eu apoio totalmente a decisão do presidente Trump de não fazer a escolha mais fácil", disse Abe após um telefonema com Trump.

     "Estou determinado a encontrar o líder Kim em seguida", acrescentou, reiterando seu desejo de realizar uma cúpula com o líder norte-coreano.

     Abe disse que Trump, em sua reunião com Kim no Vietnã, levantou a questão dos cidadãos japoneses sequestrados por agentes norte-coreanos.

     Abe disse que o Japão não normalizará os laços diplomáticos com Pyongyang ou fornecerá assistência econômica até que a Coreia do Norte forneça dados completos de todos os sequestrados e devolva aqueles que ainda estiverem vivos.

(Reportagem de Kiyoshi Takenaka e Takaya Yamaguchi)