Topo

Johnson deve ganhar eleição "pouco inspiradora" do Reino Unido, diz Farage

19/11/2019 11h02

PETERBOROUGH, Inglaterra (Reuters) - O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, provavelmente deve vencer a eleição de 12 de dezembro com uma pequena maioria, mas a campanha até então tem sido "pouco inspiradora", com uma série de promessas irreais de ambos os lados, disse o líder do partido do Brexit, Nigel Farage, nesta terça-feira.

"A única previsão que farei é que será uma baixa participação, a menos que partidos como o nosso possam inspirar as pessoas a sair e votar por mudanças", disse Farage a apoiadores em Peterborough, uma cidade no leste da Inglaterra.

"Parece que Boris terá o maior partido. Parece que ele provavelmente terá uma pequena maioria", afirmou Farage, acrescentando que essa tem sido uma das eleições menos inspiradoras das quais se lembra.

"Não consigo pensar em nenhuma campanha como essa, que, até então, não conseguiu inspirar em uma escala tão extraordinária", disse ele. "Todos os dias temos promessas; 100 bilhões para isso, 200 bilhões para isso", acrescentou.

"Já ouvimos tudo isso antes. Minha impressão é que ninguém acredita em uma única palavra que está sendo dita".

(Por Guy Faulconbridge)

Notícias